04 janeiro 2006

Porta de Entrada!




Depois de sairmos de Vale de Figueira pela EN 365 e descermos o Chões, passamos pelo novo Viaduto sobre o Rio Alviela...





... que substituiu um pouco mais a Sul a velhinha Ponte Romana. Ladeados por terrenos cultivados de milho chegamos ao cruzamento que à direita nos indica Reguengo de Alviela, sempre pela mesma estrada nacional em direcção ao Pombalinho, deparamos com mais um viaduto que veio substituir a saudosa...



.
. Ponte de Fernão Leite. Paramos, olhamos com alguma nostalgia e reparamos que alguma coisa poderia ter sido feita para evitar o estado ruinoso a que deixaram chegar um dos ex-libris do Pombalinho, mais adiante e depois de uma curva apertada deixamos à nossa direita a antiga quinta de nome igual à da ponte atrás referida.




Entramos finalmente na recta que nos transporta à visualização do casario na da Rua Carolina Infante da Câmara, onde está sediada a Junta de Freguesia do Pombalinho.




Esta é a minha entrada favorita no Pombalinho, não que a do sentido Norte-Sul me mereça menos apreço, mas esta tem aquele verdadeiro sentido paisagístico de "porta de entrada". E é neste bonito quadro de aproximação à aldeia, que ousamos reivindicar às autoridades locais, os devidos melhoramentos urbanísticos de caracter turístico, para que a imagem primeira oferececida a qualquer visitante, transmita uma “mensagem” de simpatia e acolhimento como o Pombalinho merece.


Sem comentários: